3.7.06

 

3,4 milhões de utilizadores de internet

3,4 milhões de utilizadores de internet
Os resultados da 1ª vaga de 2006 do estudo Bareme Internet, da Marktest, contabilizam mais de 3,4 milhões de portgueses que costumam utilizar a internet.
São 3432 mil os residentes no Continente com 15 e mais anos que afirmam costumar utilizar a internet, um valor que representa 41.3% deste universo.
A taxa de utilização da internet em Portugal tem crescido sistematicamente nos últimos anos. Entre 1997 e 2006, a taxa de variação média tem sido de 29.7% ao ano, sendo em 2006 mais de sete vezes superior ao valor observado em 1997.
 


A ocupação, a classe social e a idade são as variáveis que mais discriminam os indivíduos relativamente a este hábito, pois é aqui que mais diferenças de comportamento se observam entre os inquiridos.
Os homens apresentam valores superiores à média, com 49.8% deles a usar a internet, face aos 33.5% das mulheres que também navega online.
Na idade, são os mais jovens os mais adeptos deste meio, com 84.6% dos jovens entre os 15 e os 17 anos a afirmar costumar utilizar a internet, tal como 82.4% dos jovens entre os 18 e os 24 anos.
A análise por região é a que apresenta menor heterogeneidade, embora na região da Grande Lisboa, do Grande Porto e do Litoral Centro se registem valores superiores à média, respectivamente de 54.1% e 44.8%.
Comportamentos mais diferenciados são registados nas classes sociais, com 94.9% dos indivíduos das classes alta e média alta a afirmarem usar a internet, face aos 12.8% da classe baixa que também o fazem.
Por ocupação também se observam grandes diferenças, com 90.5% dos quadros médios e superiores e 90.2% dos estudantes a dizerem que costumam utilizar a internet, face aos 1% das domésticas que também o afirmam.
A análise realizada teve como base os resultados do estudo Bareme Internet da Marktest. Este estudo analisa o universo constituído pelos residentes no Continente com 15 e mais anos, tendo a recolha de informação decorrido no primeiro trimestre de 2006. Contacte-nos se deseja adquirir este estudo ou se pretende mais informações sobre o assunto.

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?