3.12.05

 

Televisão no quarto das crianças afecta os seus resultados escolares


As casas norte-americanas com crianças têm uma média de 2.8 televisores. 97 por cento desses lares têm um ou mais aparelhos de vídeo ou dvd. Dois terços têm pelo menos um computador.

Se você acha que os miúdos americanos estão saturados de media, você está certo. Mas se um estudo conduzido pela Bloomberg School of Public Health, da Johns Hopkins University também estiver certo, não é a quantidade que interessa: é onde as crianças estão a ser saturadas.

"Nós olhamos para a forma como os miúdos utilizam os media e como isso eatá relacionado com os seus resultados académicos", disse Dina Borzekowski,a autora de The Remote, The Mouse, and the No. 2 Pencil, um trabalho de investigação publicado em Julho no Archives of Pediatrics & Adolescent Medicine. "Nós tivemos uma conclusão clara: as crianças que têm televisão no seu quarto têm resultados piores, academicamente, do que as que não têm."

Ou seja, mesmo tendo em conta as limitações do estudo, recomenda-se aos pais que não permitam televisões nos quartos dos filhos ou que as retirem se elas já estiverem presentes.

O que surpreende mais neste estudo é que nós sempre pensamos que se trata de uma questão de quanto tempo as crianças passam (consomem) em frente à televisão, mais do que o próprio ambiente media. Mas neste estudo, esse não foi um grande factor.

De referir ainda que os melhores resultados escolares foram obtidos pelas crianças com acesso a um computador e sem tv no quarto.

Leia o trabalho completo no Archives of Pediatrics & Adoescent Medicine

Comments: Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?